Como se relacionar com pessoas com necessidades especiais ?- Parte II

0

Milena Dutra

Como se relacionar com deficientes visuais?

http://cauemathias.files.wordpress.com/2009/04/deficientevisualcaoguia1.jpg
Deficiente visual deambulando com o seu cão guia

Guie com segurança pessoas com deficiência visual:

Para guiar uma pessoa com deficiência visual, devemos deixá-la segurar nosso braço, de preferência no cotovelo ou no ombro, para que ela sinta nossos movimentos e possa nos acompanhar. Evite pegá-la pelo braço, sem permissão,e principalmente puxá-la comvocê, pois, além de ser perigoso, isso pode assustá-la. Descreva o trajeto. Durante o trajeto, avise à pessoa comdeficiência visual sobre a existência de degraus, meios-fios, obstáculos arquitetônicos etc., para evitar acidentes. Procure descrever todo o percurso, para situar melhor quem está sendo guiado. Quando for subir ou descer uma escada, por exemplo, indique o número de degraus, o lado do corrimão e onde ela termina.

Ajude-a a sentar:

Para ajudar uma pessoa com deficiência visual a sentar-se, quando ela assim o solicitar, guie-a até a cadeira e oriente-a sobre a localização do braço seu braço para trás, para que a pessoa possa continuar seguindo você. Converse à vontade. Não devemos ficar receosos quando nos comunicamos com um deficiente visual. Não existem palavras que não possam ser ditas, como “veja” e “olhe”, pois elas também pertencem ao vocabulário dessas pessoas. Não há nenhum problema em dizer, por exemplo: “O senhor já viu a nova opção de investimento que o banco está oferecendo?”

Identifique-se sempre:

Sempre se identifique para a pessoa com deficiência visual, quando ela chegar ou quando você se aproximar, para que ela possa reconhecê-lo.  Ao seafastar, informe-a, para evitar uma situação desagradável. Ela pode não perceber que você saiu e ficar falando sozinha.

Sorria através de gestos:

Não deixe de apertar a mão de uma pessoacom deficiência visual ao encontrá-la ou ao despedir-se. O aperto de mãovai substituir o seu sorriso.

Leia tudo em voz alta!

Para facilitar a vida do indivíduo com deficiência visual, é importante ler em voz alta todos os documentos, textos dados em aula, e descrever as figuras

Deficiência Visual é aquela deficiência que, por motivo de perda ou anomalia congênita ou adquirida, parcial ou total, de estrutura ou função da visão, pode ocasionar restrições da capacidade de interpretação sobreas condições de segurança, de orientação e de mobilidade deveres.

Lembre-se de que adeficiência é visual:

Evite falar muito alto com uma pessoacom deficiência visual. Lembre-se deque ela não enxerga, mas escuta. A audição dela, em geral, além de preservada, é até mais desenvolvida. Evite falar com as mãos. Muitas vezes, gesticulamos indicando direções, esse tipode informação não faz sentido. Nesses casos, procure sempre acrescentar detalhes precisos de distância e direção.

Não se esqueça de oferecer sua ajudacomo guia, mas não se surpreenda se elepreferir ir sozinho. Isso mostra apenas que ele é independente. Fique deolho aberto, as pessoas com deficiência visual correm o risco de acidentes por não perceberem obstáculos: podem tropeçar, esbarrare cair. Os locais de passagemdevem estar sempre livres, inclusive as calçadas, as entradas e estacionamentos.

Faça umreconhecimento de área:

Em ambientes desconhecidos ou situações novas, como nas primeiras visitas a um local, ofereça à pessoa com deficiênciavisual o maior número de informações possível sobre o espaço, para que ela possa se localizar e se orientar com maior liberdade nas próximasvezes.

Evite tocar nocãozinho bonitinho

Por mais tentador que seja acariciar umcão-guia, lembre-se de que esses cães têm a responsabilidade de guiar um dono que não enxerga. O cão não pode ser desviado do seu dever de guia.

Categories: Deficiência Visual

Leave A Reply


*